sexta-feira, 18 de novembro de 2011


Vou-te seduzir...
Não te adianta fugir pois sabes que te vou encontrar.
Vou-te deixar louca de desejo por mim...
Quero que sintas o meu toque em ti,
Quero que ouças o meu respirar...
Vou-te seduzir ao Luar.
Quero fazer do teu corpo uma tela,
Escrever versos de amor e calor...
Tornar-te mulher no meu mundo sem dor.
Vou-te seduzir... Trazer-te a mim...
Agarrar-te, amar-te... Beijar-te por fim.
Saciar-me nesse corpo feito para amar,
Levar-te ao orgasmo... Levar-te às estrelas...
Fazer-te tremer de loucura e excitação.
Vou-te seduzir...
Não penses que não...
Fecha os olhos...
Usa a imaginação...
Esta noite tens-me a teu lado, na tua cama, nos teus lençois...
Sentes a minha respiração junto à tua orelha, ao mesmo tempo que te vou acariciando?
Sentes os meus dedos a tocarem-te?
Quero sentir essa tua humidade tão quente...
Sentes a minha língua na tua boca, no teu pescoço, nos teus seios?
Vou-te beijar esse sexo rosadinho e húmido, fazer-te gemer...
Anda...
Vou entrar em ti de mansinho.
Abre as pernas e deixa-me beijar-te.
Sentes-me dentro de ti, bem duro para que tremas de paixão!
Sentes?
Sim... Vamos fazer amor loucamente.
Quero-te em brasa, em fogo ardente.
Quero que me sintas.
Sentes o meu tesão por ti?
Quero-te fazer vir... Quero-me vir em ti...
Vá lá.
Esta noite estou aqui para ti.

Sem comentários:

Enviar um comentário